O Seu Centro Médico em Lisboa



A tensão arterial é a pressão do sangue dentro das artérias. É produzida primeiramente pela contracção do músculo do coração. São medidos e registados dois valores. O primeiro (pressão sistolica) é medido após a contracção do coração e é mais elevado. O segundo (pressão diastolica) é medido antes das contracções do coração e mais baixo. Uma braçadeira insuflavel é usada para medir a pressão. Á elevação da pressão do sangue é chamada hipertensão.


A pressão de sangue elevada ou o hipertensão significa pressão (tensão) elevada nas artérias. As artérias são os vasos sanguíneos que carregam o sangue bombeado pelo coração para todos os tecidos e órgãos do corpo. A pressão de sangue elevada não significa tensão emocional excessiva, embora a tensão e o stress emocionais possam temporariamente aumentar a pressão de sangue. A pressão de sangue normal está abaixo de 120/80; a pressão de sangue entre 120/80 e 139/89 é chamada pre-hipertensão, e uma pressão de sangue de 140/90 ou acima considerada pressão de sangue elevada. A pressão de sangue sistolica, que é o número superior, representa a pressão do sangue nas artérias quando o coração contrai, bombeia o sangue para as artérias. A pressão diastolica, que é o número inferior, representa a pressão nas artérias quando o coração relaxa após a contracção. A pressão diastolica, reflecte a pressão mínima a que os artérias são expostas. Uma elevação da tensão arterial sistolica e ou diastolica aumenta o risco de desenvolver doenças do coração (cardíacas), doenças dos rins (renais), endurecimento das veias e das artérias (arteriosclerose), danos nos olho, e trombose. Os danos destes órgãos são o resultado da pressão de sangue elevada crónica. O diagnóstico da pressão de sangue elevada é importante de modo que esforços possam ser feitos para normalizar a tensão arterial e, impedir desse modo as complicações.

Tensão Arterial

T.A Máxima
(mmHg)

T.A mínima
(mmHg)

T.A Óptima
T.A Normal
T.A Normal Elevada

100 � 120
100 � 130
130 - 139

60 � 80
60 � 85
85 - 89

Hipertensão

Grau I (ligeira)
Grau II (moderada)
Grau III (severa)

 

140 � 159
160 � 179
>= 180

90 � 99
100 � 109
>= 110


Tensão Arterial

T.A Máxima
(mmHg)

T.A mínima
(mmHg)

T.A Óptima
T.A Normal
T.A Normal Elevada

100 � 120
100 � 130
130 - 139

60 � 80
60 � 85
85 - 89

Hipertensão

Grau I (ligeira)
Grau II (moderada)
Grau III (severa)

 

140 � 159
160 � 179
>= 180

 

90 � 99
100 � 109
>= 11